Sexta tem festa junina da Casa do Hip Hop

Na sexta-feira, dia 23, a Estação Ferroviária de Bauru recebe mais um evento organizado pela Casa do Hip Hop. Unindo as comemorações típicas do mês de junho com atividades artísticas e culturais, a Festa Junina do Cursinho da Casa do Hip Hop é a deixa pra não passar em branco nessa época. Com entrada gratuita, a festa acontece a partir das 17h, no saguão da Estação Ferroviária (Praça Machado de Mello, s/nº, centro).

Para cumprir a tradição haverá venda de comidas e bebidas típicas das quermesses, como pipoca, maçã do amor, vinho quente e quentão, além das atrações já consagradas nessas ocasiões: pescaria, boca do palhaço, correio elegante, um brechó e até a famosa ‘fogueira de São João’.

Outra brincadeira sempre lembrada nas festas juninas é a cadeia, que na festa do
cursinho estará num “traje” diferente, fazendo referência ao debate sobre o encarceramento em massa que afeta a população pobre e principalmente a juventude negra.

A proposta vai trocar as grades da prisão por chaves que dão oportunidades, e as pessoas serão convidadas a anotar os problemas que querem ver o mundo liberto. Durante a festa os escritos ficarão expostos e os autores convidados a escrever uma carta à Rafael Braga – jovem negro e único preso das manifestações de junho de 2013 em razão do porte de desinfetante ‘pinho sol’.

Este é o segundo ano de realização da festa junina pelo Cursinho da Casa do Hip Hop, e o evento visa arrecadar fundos para manutenção do projeto, que busca ir contra a lógica de exclusão da população mais pobre de Bauru das universidades, reservando suas vagas para alunos da escola pública. “Além da arrecadação, queremos divulgar o  cursinho para o maior número de pessoas possíveis, atraindo crianças, jovens, famílias, idosos”, conta Julia Conceição, coordenadora do cursinho.

Para Rayra Pinto, coordenadora da Casa, o convite está aberto à toda população. “São muitas mãos e mentes envolvidas nesta realização”, diz ela. “Tem a galera da Casa, alunos, professores, a Biblioteca Móvel Quinto Elemento, Frente Feminina de Hip Hop e vários parceiros que estão fortalecendo, doando produtos, serviços e abrilhantado com a sua arte”, explica.

Arte e Cultura
Com direito à programação cultural, a festa vai contar com o ‘Sarau Racha Coração’, pra esquentar os sentimentos pegando como referência a poesia dos cordéis e a produção dos poetas nordestinos. Vai ter espaço também para apresentação de capoeira com o grupo Angoleiros do Sertão e show de Rap com Betin Mc.

Completando a noite o bingo vai dar as caras, com prendas que incluem corte de cabelo (oferecido pela Titta Crespos e Cacheados), design de sobrancelhas (cortesia da Ariene Ramos), serviço de unhas artísticas para pé e mão (pela Tati Fazendo Arte), uma pinga do Armazém Bar, um Beat de Rap, entre outros brindes.

Organização
A festa junina tem a idealização e realização conjunta de professores e alunos do cursinho e membros da Casa do Hip Hop. “Nas escolas é meio embaçado de dizer que os alunos ajudam na realização da festa, porque normalmente o evento já está naquela ‘forminha’. Aqui não, a gente que constrói a festa”. É o que diz Laínny Souza, estudante do cursinho. Para ela, essa edição promete ser melhor que no ano passado: “Dá até um orgulho”, confessa.

“Tá tudo planejado, dividimos as funções, o que cada um vai fazer pra organizar e pra movimentar na hora da festa”, revela Gabriel Brandão, professor de física no cursinho. “Vai ter coisas típicas de festa junina, as brincadeiras, comidas, será bem legal porque as pessoas poderão conhecer melhor o trabalho do cursinho”, salienta. Atualmente o cursinho conta com 16 professores, em caráter voluntário, atuando na formação pré-vestibular. “Nosso objetivo é ver ingressar, cada vez mais, jovens negros e de periferia nos espaços de produção acadêmica”, conta Julia.

Ela explica que não há financiamento público nem privado para custear as atividades, “portanto para a nossa sobrevivência é necessária uma mobilização de professores, estudantes e coordenadores em eventos como a festa junina”, diz. “Será um rolê para alimentar o corpo e a alma”, resume Rayra.

Serviço
Data: sexta-feira, 23/06,
Horário: 17h
Local: Saguão e Gare da Estação Ferroviária – Praça Machado de Mello, s/nº, centro de Bauru
Facebook: Festa Junina do Cursinho 
Entrada gratuita

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s